Amsterdam (2)

MultidãoLá estava eu perdido no meio dessa multidão. Passamos por um beco superestreito e saímos da rua principal e paramos nesta aqui. Muito louco. Desacostumei totalmente com ver turba! Morando no interior também, fiquei um jacu holandês! Mas era muita gente. Estou pensando se volto lá em breve. Vários lugares deixei de visitar nesta primeira ida. Estou planejando passar pelo Museum Van Gogh (segundo o capitão do nosso barco, em suas lições de holandês, o correto é falar “vân Rórr”! Continuou ele “não é ‘vangó’, ‘vangô’, ‘vangogue’ ou ‘vang…’!” Fez a gente repetir em coro! Esse cara era hilário!). Queria passear mais pela cidade, a pé, com tempo, sem ficar preso a horários, tirar mais fotos e tal. Ruim estava o museu da Anne Frank. Lotado, com muita fila, mesmo na chuva. Particularmente não faço a menor questão de ir lá. Também achei um restaurante brasileiro. A placa dizia steakhouse… Muito suspeito. Mas a lista de passeios cresce exponencialmente. Já estou de olho em outro passeio, o Keukenhof, em Lisse. É um jardim que fica aberto apenas entre final de março a final de maio, época em que floresce as multicoloridas tulipas. São 32 hectares de flores! Vamos conferir!

P.S.: Hoje soube que o meu residence permit foi aprovado pelo serviço de imigração!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s