Tempo, tempo, tempo

PáscoaHolanda é o buraco negro do tempo. É para onde converge o tempo. Tempo para se curar feridas. Tempo dos modelos dinâmicos. Tempo que se corre atrás. Ocorreu-me a idéia do tempo porque nem parece que estou aqui há quase dois meses. Voou. Se for nesse passo, estou lascado, pois acho que vai faltar tempo! Não pensei que ia dizer isso! He he he! Mas também é um bom sinal. Estou realmente me divertindo, a despeito dos rolos aqui e ali. O último rolo superado: usar o caixa eletrônico que está com a tela toda em holandês. Engraçado que por aqui o povo só usa o ATM para sacar ou para ver o saldo. Não é tão sofisticado como o nosso. Sorte minha! Menos coisa para traduzir na tela! A minha próxima tarefa: cortar o cabelo. Passei num barbeiro e estava 15 euros. Pensei que estava caro. Pasmem, mas esse era um dos três baratos da cidade. Preço médio: 30 euros. Novamente, o buraco negro do tempo há de resolver isso!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s