Mais gadgets

A flor de papoula fecundada

A flor de papoula fecundada

A tecnologia é algo impressionante. Não tem duas décadas e eu brincava com computadores de 16kB de memória e achava o máximo a infinidade de coisas que era possível fazer. Hoje, estou com dois hard drives que, juntos, totalizam 1 TB (terabyte), ou seja, um milhão de megabytes. Imaginem que a quantidade de memória RAM de um computador bem equipado fica por volta de 2 GB (gigabytes), ou 2 mil megabytes. Com tantos números, parece que estamos falando de viagem espacial em anos-luz. Eu realmente não resisto a essas maravilhas tecnológicas. Primeiro foi o laptop com menos de um quilo. Agora, um novo “brinquedo”: um media player travestido de hard drive portátil. Mas o que é esse media player? Imagine um hard drive com 500 GB para você gravar músicas, filmes e fotos. Depois, imagine que você pode ligar esse hard drive diretamente em sua TV e a um home theater com 5.1 canais. Imagine ainda que você pode colocar tudo isso na ponta de seus dedos usando o controle remoto, sem a necessidade de um computador. Mas se precisar, você pode ligar a ele. Pois é. Isso é o media player. Eu adquiri um hoje por 129 euros. Trata-se de um modelo simples feito pela Conceptronic. O modelo do produto é o CSM3PL500. Falo que ele é simples porque já existem modelos wi-fi e que suportam imagem de alta-definição, o HD TV. Mas aí estamos falando de um produto quase quatro vezes mais caro do que o que eu comprei. Alguém poderia argumentar: mas para quê comprar um negócio desse? De fato, não existe uma razão utilitarista. É como ter um carro V12 para ir ao cinema, um relógio de 15 mil reais para ver as horas ou um apartamento de 400 metros quadrados para morar. Não posso o V12, o relógio ou o apartamento. Contentei-me com o media player de 129 euros!

Anúncios

2 pensamentos sobre “Mais gadgets

  1. E se pudesse comprar o V12, o rolex e o apto de 400 m²? Vc realmente efetuaria a compra? Gadgets satisfazem seu ego ou lhe trazem felicidade?
    Pés nos chão, m’ermão, pés no chão.
    Felicidade vem de dentro prá fora.
    De qualquer maneira respeito tua forma de viver. Não entendi prá que serve o troço que vc comprou (foi engraçado ver esta pergunta no teu texto logo em seguida), mas vc ficou contente com a “conquista”. That´s all right. Enjoy it!!!

  2. Felicidade é uma coisa engraçada mesmo. Sim, ela vem de dentro da gente, mas pode ser “estimulada” de fora: é a família com saúde, ver a felicidade dos amigos próximos, as conquistas da vida, um media player… He he he! Sinceramente, se eu pudesse ter, sem ser roubado, conseguido de forma honesta, sim, teria os três. Porém, ao mesmo tempo, se eu pudesse ter esses três, com certeza eles não estariam na minha lista de prioridades. De qualquer forma, não importa para mim agora. Gosto de apreciar essas coisas enquanto “obras” da engenharia humana. Descobri que tenho essa apreciação pelo funcionamento das coisas, pela genialidade de sua concepção. Mas grato pelo toque. Sim, pés no chão. A nossa realidade é de um Brasil ainda “pobre”. Pobre de sonhos, de comida, de justiça… Muita pobreza. Precisamos nos concentrar nisso para melhorar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s