Um sábado medieval

Acampamento Viking em Archeon

César em sua adolescência

Como planejado, fui com um casal de amigos para uma cidade de nome comprido e engraçado: Alphen aan Den Rijn. Não me perguntem o que significa. Só reconheço o “para o Reno”. Nada mais. Enfim, lá tem um parque temático chamado Archeon, o qual reúne prédios, pessoas vestidas com roupas de época, espetáculos e um pequeno comércio. Este parque reúne três épocas distintas da história européia: a pré-história deste continente, o Período Romano e a Era Medieval. Neste final de semana acontece o “Festival Viking Internacional”. Tudo indica que existe um “fã clube” de pessoas aficcionadas em eventos medievais e correlacionados. Eles se vestem, produzem e vivem como esses antepassados. São grupos de vários países que vieram aqui para se encontrar num final de semana para combates. Vivem em barracas, usam roupas tecidas com técnicas da época, cozinham como na época e perpetuam um pouco da história desse período tenebroso da Europa. Paralelamente ao acontecimento Viking, existiam várias barracas vendendo produtos medievais. Sacolas de couro, espadas de ferro, tecido, arco e flechas, emblemas em prata, peles de animais (inclusive de raposas, de verdade, por 39), lamparinas em barro… Muita coisa mesmo. De fato eram pessoas vindas de outros países. Pude reconhecer alemães, americanos e, claro, neerlandeses. Com certeza deveria ter pessoas da Dinamarca e região. Não sei ainda reconhecer a língua. Não choveu muito e fez um sol ao final da tarde. O ambiente ficou muito propício e bacana para os espetáculos. Barro para tudo que é lado. Assistimos a uma série de contendas Vikings e depois a uma luta de gladiadores na arena romana. Uma coisa que não foi legal era o preço. Caro. Vimos uma espada de 1.200, uma presilha para capa de 450, um elmo de 250. Tinham coisas “baratinhas” para lembrança como porta-moedas de 5 e “pins” de 3. Interessante ver como o povo se “embuiu” do espírito medieval. A luta romana não foi tão interessante. As ambientações, contudo, foram bem cuidadas e educativas. Deu para ter uma idéia dos vários meios de sobrevivência das diferentes épocas. Interessante notar que algumas técnicas utilizadas eu já vi no Brasil. Só não sei dizer se ocorreu alguma cópia de algumas das partes. A entrada no Archeon foi 15,90. Quem curte história de época, é uma boa pedida. Sugiro ficar de olho nos eventos de agosto, quando ocorrem as “justas”, os combates entre cavaleiros utilizando longas lanças, como no filme “Coração de Cavaleiro”. Penso que sejam mais interessantes. Postei no YouTube pequenos vídeos feitos em quicktime dos combates. O playlist dos combates está neste link. Estou postando aos poucos, dado o tamanho dos arquivos.

P.S.: minha TV acabou de queimar. Realmente não tenho sorte para comprar coisa usada.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s