Coisas boas e inesperadas

Uma árvore seca, mas é arte!

Uma árvore seca, mas é arte!

Na última noite, fiquei acordado até umas 5 da manhã. Tentei terminar na marra a nova versão do meu trabalho e, no final, joguei a toalha na lona. Estava desestimulado com a perspectiva de mais uma reunião com os supervisores que não fosse virar nada. No dia de hoje, fui meio que preparado para a burocracia do bater ponto. Tudo prenunciava isso. Os e-mails da manhã vindo deles, a eminência do cancelamento da reunião e o pedido de preparar na correria um pequeno documento para discussão. Ao final, eis que a reunião foi boa! Fiquei impressionado. Saí com idéias interessantes. Acertamos alguns conceitos, a comunicação, as solicitações. Então senti como faz diferença mesmo as pessoas que têm experiência em alguma coisa. Quando solicitei que dessem uma olhada em uns trechos do que escrevi, em dois segundos já estavam dando palpites. Sim, lá fui eu de “gafanhoto” na história. Tive que tirar o chapéu. Lembrei-me na hora do que uma colega me disse. Exatamente sobre eu ter cuidado sobre as minhas críticas em relação às pessoas. Elas de fato têm algum “defeito”, alguma limitação. Como eu tenho. Mas no fundo, no que fazem, esses são bons. Não é à toa que estão aí onde estão. Eu me recolho à minha insignifância entomológica.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s