Memória volátil

Aura solar

Aura solar

Acordei pensando em algo nesta manhã. Por algum motivo, era algo relacionado à quarta-feira passada que achei interessante para colocar no blog. Pois bem, depois de escovar os dentes, quem disse que eu lembrava. Passei a manhã matutando sobre o que era. A questão é que a minha memória ficou seletiva. Ela simplesmente descarta certas coisas. Normalmente não lembro o que comi no dia anterior, ou que caminho peguei para ir para o departamento, ou mesmo com quem conversei. Tem vez que isso me chateia. Já perdi boas idéias assim. Por aquele centésimo de segundo que você pensa “esqueci de cortar a unha”, pronto, lá se foi o pensamento precioso. Já pensei em fazer lista, carregar caderninho, digitar no celular, escrever no palmtop… Nada adiantou. No exato momento da idéia, o tal do caderninho nunca está lá. Por algum motivo, se eu tomo nota, quem disse que eu esqueço a idéia! Parece piada. Nesse mundo todo digital que vivemos, eu já não decoro número de telefone, número de conta bancária, número do CEP… Tudo fica distribuído nas milhares de anotações aqui e lá. Acabo tendo que anotar sobre as anotações. Estranho mundo novo. Li um artigo que dizia que, até 2012, os teclados vão desaparecer. Que as interfaces de voz e toque estarão amplamente disponíveis. Com tanta coisa mudando, não me admira que eu já não guarde mais nada. Afinal, tudo é tão fugaz, tudo fica obsoleto tão rápido, que ficamos imersos nessa transitoriedade moderna.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s