Dia de molho

Mais um dia no aguardo dos móveis em casa. Apesar de ser uma empresa diferente, a coisa não fluiu como eu esperava. Imaginava que tudo estaria pronto hoje. Cozinha arrumada, roupas no armário, mais nada no chão… Surpresa! Não cumpriram o prazo. Desta vez, a culpa foram três portas que foram feitas em tamanhos menores do que o especificado. Dureza… Amanhã, mais metade de um dia para terminar a instalação. Muito chato mesmo. Nem menciono a sujeira que foi. Essa coisa de fazer instalação morando na casa não dá certo. Usaram serra circular, tico-tico, serra copo, plaina elétrica, lixadeira… A minha casa está emporcalhada de serragem. Fica o cheiro forte do solvente que usaram para limpar as partes brancas. Nem se fale do fedor de silicone que usaram como selante. Não dá. Daqui para frente, fica a sugestão aos amigos que me lêem: não façam reforma. Se fizerem, preparem-se. O problema não é o preço final. O problema é a paciência da gente que se esgota. Estou uma pilha de estresse. Quase chegando à conclusão de que o prazer que a casa vai me dar depois da reforma pode ser menor que o dissabor de passar por tanta dor de cabeça. Eu realmente admiro quem constrói uma casa do zero. Com essa qualidade de mão-de-obra e serviço, não me arrisco. Que é bom ter as coisas bonitas, funcionais e organizadas, sem dúvida. Mas aqui no Brasil, nem pensar. Um amigo discordou de mim dizendo que tudo é uma questão de encontrar um bom administrador para a obra. Cara, pode até ser. Mas o compadre aqui, ou vai para um flat, ou se muda para um asilo. Reforma, nem pensar.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s